Vi•tao Personal Studio

De volta aos treinos

15 Maio, 2019 -

Queridos amigos, recentemente, tive a felicidade de receber de volta um aluno que treinou comigo há algum tempo. Ele precisou passar uma temporada em outra cidade a trabalho e tentou continuar com sua rotina de exercícios em uma academia tradicional, sem a supervisão direta de um personal. No entanto, não se adaptou e acabou por abandonar o treino. De volta a Brasília, me procurou e comentou que havia ganhado bastante peso e perdido massa muscular. Após nossa primeira conversa, ajustamos um horário e ele voltou ao Studio para retomar a rotina de exercícios físicos.

Seja sua melhor versão:

Aos 35 anos, seu objetivo era baixar o percentual de gordura, recuperar a disposição e as roupas que já não mais lhe serviam, segundo palavras dele. O interessante é que este cliente em particular não está acima do peso. O que aconteceu é que ele se comparou com ele mesmo de tempos atrás, o que é muito bom! Buscar padrões de shape e beleza de revistas ou de outras pessoas não é o melhor caminho. Costumo incentivar que cada um busque a melhor versão de si mesmo.

De volta aos treinos:

Logo no primeiro dia, perguntei se ele tinha tomado café da manhã ao que ele respondeu que não. Isso é sempre um problema? Depende de cada indivíduo, do momento, do acompanhamento médico e nutricional. No caso dele, a informação sobre o jejum foi fundamental, afinal, estava há um bom tempo sem praticar exercício físico regular e, ainda, sem uma orientação nutricional.

Readaptação e cautela:

Por precaução e de posse das informações fornecidas por ele, conduzi um treino com intensidade leve. Aquecimento na esteira, alongamento e alguns exercícios que combinam força e cardiorrespiratório. Os primeiros 15 minutos foram, como esperado, tranquilos. Ele cumpriu as rotinas com certo esforço, mas sem problemas. Ao chegar à metade do treino ele sentiu tontura. Pausa para avaliação dos sinais. Tonturas e às vezes enjoo podem ser indícios de hipoglicemia. Imediatamente, dei a ele uma barrinha de cereais, água e o levei para descansar. O deixei deitado até sua recuperação que ocorreu em alguns minutos.

Seu ritmo, seu corpo, seu tempo:

Atenção aos sinais que o seu corpo dá, principalmente ao retomar uma rotina de exercícios. Você mesmo já pode ter sentido alguns sintomas compatíveis com hipoglicemia como náusea, respiração ofegante e tontura por exemplo. Quando isso acontecer, pare imediatamente e providencie algo para comer. Pode ser uma barrinha de cereal, uma fruta fresca ou seca, como uva, ameixa ou banana.

Pausa e retomada:

Após uma cuidadosa avaliação, retomamos o treino com total e absoluta segurança. Ele fez uma série de abdominais, alongamento e encerramos com o relaxamento que é parte fundamental e pouco valorizada por grande parte dos profissionais de educação física. Aqui no Vit•ao Studio desenvolvi uma metodologia que faz com que a atividade física seja um processo que traz, além de todos os benefícios, o cuidado para ajudar as pessoas a “desacelerar” e, consequentemente, a diminuir o estresse tão comum hoje em dia.

Resultados:

Um comportamento alimentar equilibrado ao longo do dia, uma melhor gestão do estresse aliado a um treino físico progressivo, personalizado e completo (que envolve exercícios de força, treinamento aeróbio, alongamento e relaxamento) constitui receita certa para uma melhor qualidade de vida, saúde e boa forma física e mental. A atenção aos sinais que o cliente emite ao longo do treino, permitiram que ele seguisse com sua rotina de exercícios, sem perder o estímulo. Hoje, ele continua treinando e já apresenta melhores resultados.
Gustavo Bergamaschi é Personal trainer e criador do Vi•tao Studio.

>